Segredos do Instagram: Como ter um Perfil Campeão

1.INTRODUÇÃO

O Instagram é a segunda rede social mais utilizada do mundo, atrás apenas do Facebook, mas é, certamente, a primeira opção de muitas marcas quando o assunto é  anunciar e vender produtos. Neste ebook, apresentaremos os principais números do Instagram e compartilhar dicas para você ter um perfil campeão.

Sinta-se à vontade para ler do início ao fim e utilize o índice para te guiar aos tópicos de seu interesse.

Esperamos que este conteúdo seja útil para você e o ajude a construir uma reputação sólida no Instagram. Continue conosco e boa leitura!

ESTATÍSTICAS

2. DADOS SOBRE O INSTAGRAM

SEU CRESCIMENTO É AQUI

01

Em 2018, o Instagram atingiu 1 bilhão de usuários ativos.
Esse número é mais que o dobro de usuários mensais do
Twitter e três vezes maior do que os usuários ativos de
redes de bate papo como o Whatsapp.

03

60% das pessoas que têm um perfil na rede social loga todos os dias.

05

300 milhões de contas ativas no Instagram usam o Instagram Stories diariamente

02

Não só o número de usuários cresce, como o tempo gasto
na rede social também: em média, 80% por ano.

04

O usuário médio gasta pelo menos 25 minutos por dia no Instagram. (Social Media Today)

06

Todos os dias, são compartilhados mais de 100 milhões de fotos pela rede social. (Fonte: Sprout Social) gerando mais de 4,2 bilhões de likes. (Fonte: Social Media Today)

3. INSTAGRAM PARA EMPRESAS

Atualmente, existem mais de 8 milhões de perfis comerciais no Instagram. (Fonte: Sprout Social)
80% dos usuários seguem, pelo menos, um perfil comercial na plataforma, enquanto isso 60% alegam ter descoberto um produto ou serviço por meio de uma postagem no Instagram. (Fonte: Yotpo Voice)
36% das marcas B2C consideram o Instagram fundamental para suas estratégias de marketing. Entre as empresas B2B, esse número chega a 13%. (Fonte: Social Media Today)
Posts feitos no Instagram geram até 10 vezes mais engajamento para marcas do que posts feitos no Facebook, 54 vezes mais que no Pinterest e 84 vezes mais que no
Twitter. (Fonte: Social Media Today)

LINHA DO TEMPO DO INSTAGRAM

2010

Mike Krieger e Kevin Systrom decidem simplificar o aplicativo deixando apenas a função de compartilhamento de fotos.

A nova versão recebe o nome de Instagram.

O Instagram atinge a marca de 3 milhões de usuários.

2011

2012

2016

2018

5. DICAS PARA TER UM PERFIL
CAMPEÃO NO INSTAGRAM

SIGA A ASHISA NO INSTAGRAM. ASHISA.OFICIAL
Você não precisa ter uma conta com mais de 1 milhão de pessoas te seguindo para rentabilizar seu perfil (chocante, né?).
O que você precisa é de uma audiência engajada. São elas que vão dar visibilidade para seu perfil e têm potencial para se tornarem clientes.
Para construir essa audiência não existe uma fórmula única, mas algumas premissas podem te ajudar a acelerar os resultados.
Falaremos melhor delas a seguir:
.

INVISTA NA QUALIDADE DO CONTEÚDO

Conteúdo de qualidade, que gera valor para seus seguidores, é o que fará sua marca ou perfil serem reconhecidos.
Logo, a dica número 1 para se destacar no Instagram é tirar boas fotos.

Mas, por favor, não confunda essa dica com “ter uma câmera de 10 mil reais”. Qualquer smartphone que fotografe em alta definição pode render bons registros, desde que você domine
algumas técnicas básicas de fotografia.
Você que está lendo este ebook provavelmente já sabe, mas um dos fatores que mais influencia na qualidade de uma foto é a iluminação.
Basta fazer uma breve pesquisa para ver que 10 em cada 10 fotógrafos recomendam usar o máximo de iluminação natural, pois ela valoriza a imagem. Evite, porém, horários nos quais o sol está muito forte, entre 10h e 14h, pois esse tipo de iluminação pode causar o efeito contrário, deixando sombras no objeto ou pessoa fotografada.
Se você precisar fazer imagens em ambientes fechados e escuros, tente usar equipamentos como o softbox ou fazer um esquema de iluminação de três pontos. Você encontra tutoriais sobre ambos no YouTube. Inclusive, temos nosso próprio tutorial para criar uma iluminação caseira com baixíssimo investimento.
No mais, use e abuse da criatividade para fazer fotos originais e que iniciem discussões entre seus seguidores, lembrando, claro, de respeitar a linha editorial de seu perfil.

POSTE COM PERIODICIDADE

Se você investir na criação de conteúdo com uma periodicidade bem definida, eventualmente, seu público perceberá que sempre que ele entra em seu perfil, encontra algum conteúdo que é interessante para ele.
Uma sugestão para quem quer trabalhar sua marca no Instagram, profissionalmente, é ter um calendário bem definido de publicações. Esse documento pode ser criado em uma planilha de excel, no Google Drive ou em qualquer outra ferramenta que facilite seu monitoramento.
Ter esse planejamento impedirá que você esqueça de postar algum dia ou deixe de lado uma data que é importante para seus seguidores.

USE HASHTAGS

As hashtags são palavras ou combinações de palavras precedidas do caractere do jogo da velha, que servem para “classificar” uma postagem. Elas são muito úteis, pois agrupam conteúdos sobre o mesma tema, facilitando a busca do usuário.
Existe uma infinidade de hashtags para eventos, cidades, nichos e você pode, inclusive, criar sua própria hashtag.
Mas é preciso ter cuidado com elas para não causar uma má experiência para seu seguidor. Antes de mais nada, elas devem estar relacionadas com o post que você está compartilhando.
Também é preciso dosar a quantidade de hashtags que você compartilha em um único post, pois o Instagram penaliza esse tipo de prática, restringindo o alcance da publicação. O ideal é de 5 a 10 hashtags por post e nunca mais do que 20.
Se você ainda está em dúvida sobre o uso de hashtags em seus posts, aí vai um dado que pode te animar: de acordo com um estudo conduzido pelo site Social Media Today, posts do Instagram com pelo menos uma hashtag têm até 12,6% mais engajamento do que aqueles que não têm.
Hashtags mais usadas pela R&M Luxury:  #r&mluxury #rmluxury #semijoias #semijoiasdeluxo #semijoiasatacado #semijoiasfinas

EXPERIMENTE FILTROS E APLICATIVOS DE EDIÇÃO EXTRAS

O Instagram oferece várias opções de filtros e recursos de edição para deixar suas fotos mais chamativas, mas isso não significa que você precisa se restringir à elas.
Aplicativos como VSCOcam, Instasize e Adobe Photoshop Express, para citar alguns, oferecem outras opções para tratar suas fotos e podem ser usadas para incrementar seu feed e destacá-lo de seus concorrentes.

COLOQUE AS INFORMAÇÕES ESSENCIAIS NA DESCRIÇÃO DE SEU PERFIL

O texto de apresentação deve ser curto, objetivo e conter os links para outros canais de comunicação que estejam ativos. Caso você trabalhe apenas com o Instagram, deixe visível um e-mail para contatos e propostas de parceria.

PRODUZA CONTEÚDO EM FORMATOS VARIADOS

O carro chefe do Instagram são as fotos, mas você não deve restringir seu perfil à esse formato. Usar as opções de vídeos e, principalmente, o Stories para se comunicar com seus seguidores são estratégias poderosas e, ao mesmo tempo, simples para mantê-los engajados.
Por falar em Stories, a funcionalidade é ideal para mostrar uma visão de bastidores e comunicar mensagens pontuais com seus seguidores (lembra que são 300 milhões de usuários ativos por dia?).
Você pode usar o recurso para divulgar um evento, falar de algum produto e promover lives (transmissões ao vivo) para responder dúvidas enviadas pelos usuários.

CRIE UM RELACIONAMENTO COM SEUS SEGUIDORES

Com a variedade de nichos existentes no mercado, até um perfil com 10 mil seguidores pode trazer retorno financeiro, se os usuários que te seguirem forem muito engajados.

A pergunta que não quer calar é: como fazer para
que essas pessoas interajam com seu conteúdo?

Simples! Esforce-se para criar um relacionamento com eles: responda dúvidas, quando possível, e tire um tempo para analisar a performance dos posts e descobrir os tipos de conteúdos que mais interessam seu público.
Esse tipo de ação dá um pouco mais de trabalho, mas pode gerar um impacto significativo na maneira como sua marca é percebida no mercado.

USE LEGENDAS CRIATIVAS

Uma boa foto é meio caminho andado para chamar a atenção dos seguidores. Só que uma boa foto somada a uma legenda criativa tem o poder de iniciar discussões, o que conta pontos para o algoritmo do Instagram e, consequentemente, faz com que sua publicação seja exibida para perfis de fora de sua rede.

Mas nada de se empolgar e escrever “textões”, ok?

Uma boa legenda deve ter por volta de 138 caracteres e, no máximo, 150. Evite também usar “iscas de engajamento” como perguntar: “Qual é sua cor favorita?” ou “Qual é seu signo?” apenas para gerar comentários, pois esse tipo de comportamento pode ser penalizado pelo Instagram e atrapalhar o desempenho de uma boa publicação.

PERSONALIZE SEU CONTEÚDO

Diferentemente do LinkedIn ou de um blog corporativo, o Instagram é mais aberto a uma comunicação informal e personalizada.
Fotos com pessoas também rompem com o padrão corporativo e ajudam a humanizar sua marca. E veja que interessante: estima-se que fotos com rostos recebem até 38% mais curtidas do que aquelas que focam apenas no produto. Já os posts que sinalizam a localização do usuário têm, em média, 79% mais de engajamento do que os posts que não são localizados.

FAÇA POSTAGENS NOS HORÁRIOS DE MAIOR ENGAJAMENTO

Existem estudos independentes sobre o Instagram que sugerem que os melhores horários para postar na rede social são de 8 às 11 da manhã, de 14h às 16h ou de 19 às 21h. Porém, o ideal é que você acompanhe a performance das publicações para descobrir os horários que funcionam melhor para sua audiência.

TENHA UM PERFIL COMERCIAL

O Instagram for business representou um salto de qualidade para as empresas que usavam a rede social em suas estratégias de marketing, pois permitiu que as marcas criem anúncios e monitorem seus resultados.
Considerando que o algoritmo do Instagram restringe o alcance orgânico das publicações, os anúncios são essenciais para fomentar o branding de sua marca, enquanto você ainda não construiu uma reputação no mercado.
A opção de perfil comercial aparece assim que você configura sua conta, mas também está disponível para perfis pessoais que desejam migrar e ter uma atuação mais profissional.

Para migrar seu perfil, acesse configurações da
conta > alternar para perfil comercial > escolha uma
fanpage do Facebook para associar à sua conta e,
pronto: perfil comercial criado com sucesso!
UMA NOVA FEATURE PARA FICAR DE OLHO

No primeiro semestre de 2018, o Instagram atingiu 1 bilhão de usuários ativos por mês. Para comemorar a marca e continuar estimulando o crescimento da rede, a empresa anunciou uma nova funcionalidade, a televisão do Instagram (IGTV).
A partir de agora, qualquer pessoa poderá enviar vídeos de até uma hora de duração para a IGTV. A nova seção também terá uma versão autônoma para iOS e Android, na qual os vídeos serão reproduzidos, automaticamente, quando o aplicativo for aberto.
Por enquanto, o Instagram não vai rentabilizar os conteúdos que forem produzidos, nem fará publicidade, mas, eventualmente, a empresa visa garantir que todos os usuários que fazem vídeos na plataforma sejam recompensados pelos seus esforços, e não apenas os perfis que já têm grandes audiências. A funcionalidade, apesar de nova, tem grande potencial para iniciar diálogos e gerar novas oportunidades de negócio.

6. CONCLUSÃO

SIGA A ASHISA NO INSTAGRAM. ASHISA.OFICIAL
Neste ebook você deve ter percebido que ter um perfil popular no Instagram depende muito mais de trabalho e consistência, do que de sorte ou de criar
conteúdos virais.

No volume 2 da série sobre o Instagram, vamos mostrar as melhores ideias para você gerar renda com seu ebook. Aproveite para continuar acompanhando o blog para ter acesso a mais conteúdos como esse.
Até a próxima!
.

ANA CECÍLIA NOGUEIRA & CLARA GUIMARÃES

5 Dicas Cartola MATADORA para Revender Mais Semijoias

Com o aumento do empoderamento feminino no mercado mundial, as mulheres assumem cada vez mais o papel de protagonista de suas vidas financeiras, reconhecendo seu valor, assumindo o poder para fazer o que querem através de resultados cada vez mais ousados.
Sem falar que as mulheres se deram conta que podem sim ampliar suas oportunidades de atuação no mercado de trabalho, por se destacarem pela sua dedicação e comprometimento com o seu sucesso.
Por isso, se tornar uma revendedora de semijoias é uma ótima oportunidade de crescer e atingir a independência financeira, com flexibilidade de horário que contribuir com a realização pessoal e profissional.
Para ajudar nossas madres no caminho do sucesso, separamos algumas dicas para vender ainda mais:

1. Determine o seu público alvo

Antes de mais nada é preciso definir o seu público, o seu consumidor em potencial. Afinal, ter um “alvo” é essencial para focar e conseguir atingir suas metas com sucesso. Conheça e estude as particularidades de seu cliente, pesquise seus desejos e necessidades. Entenda o que ele precisa e tem dificuldade de alcançar, ofereça soluções.
Assim será mais fácil encontrar produtos e estratégias que atendam as necessidades do seu consumidor. Uma dica é ter em mãos o perfil dos seus clientes para te ajudar a lidar com todas as outras ações, inclusive de marketing que também são essenciais.
Aproveite as datas comemorativas para estabelecer e criar estratégias de vendas voltadas para seu público. Datas comemorativas como aniversários, dia das mães e datas religiosas, são ótimas oportunidades de vendas de semijoias.

2. Defina seus canais de venda

Existem inúmeras possibilidades e estratégias para alcançar seu cliente. Organizar um cômodo aconchegante e prático na sua própria residência para expor suas semijoias também pode ser uma ótima opção para te aproximar da sua cliente.
Outra opção é apostar em suas redes sociais para divulgar as peças. Pois a internet ajuda a ampliar suas possibilidades de atingir novos consumidores, facilitando inclusive a vida de suas clientes, pois ajuda quem tem uma rotina turbulenta e não consegue visitar as lojas durante o horário comercial
Não existe regra, nem fórmula mágica, mas o objetivo é criar canais de venda eficiente que alcancem sua clientela, facilitando a negociação através de opções que tornam os processos mais práticos e cômodos.

3. Monte kits personalizados

Por isso é essencial conhecer o seu público-alvo, pois a escolha das semijoias para revender é um dos fatores mais importantes. Enquanto algumas mulheres optam por acessórios clássicos, delicados e tradicionais, outras não preferem acessórios ousados, modernos e inovadores.
Por tanto, estude bem seu público pois os produtos devem estar correlacionados com o gosto do seu consumidor.
Além de apostar em estilos diferentes, é indicado oferecer peças diversificadas. Ou seja: uma boa pronta entrega tem desde anéis e pulseiras até colares e brincos. Assim você conseguirá atender um público maior.

4. Confie em você e tenha atitude

Oportunidades nem sempre batem a nossa porta, por isso, para realizar vendas expressivas é preciso sair da zona de conforto e levar seus produtos até sua consumidora em potencial, sejam familiares, amigas ou conhecidas.
Esqueça a timidez! Para se destacar como uma revendedora de sucesso, seja proativa e comunicativa. Aprenda a usar a persuasão a seu favor, pois é uma poderosa ferramenta de trabalho.
Se você é sua própria chefe e o sucesso depende exclusivamente de você, por isso, seja autogerenciável, se dedique e tenha força de vontade. Invista em um bom mostruário e marque encontros com suas clientes para apresentar as semijoias e novidades.
Outra dica é investir em um look autêntico e estiloso, usando as peças do mostruário e combinando as semijoias, pois é uma estratégia interessante. Seja você a melhor vitrine de sua loja.

Como Cuidar de Sua Semijoia

Como Cuidar de Sua Semijoia

A cautela que você deve ter com as suas semijoias é super importante, afinal, peças tão semelhantes à verdadeiras joias necessitam também de cuidados!
Veja aqui dicas para aumentar a durabilidade e brilho de seus acessórios:

Armazenamento

Evite guardar todas suas semijoias em um mesmo local, isso pode riscar umas às outras ou amassar alguma parte do metal. A aglomeração de peças pode também causar a queda de zircônias, pois por melhor que seja a cravação de sua semijoia, o atrito com outras peças pode danificá-la.
O ideal é armazená-las em compartimentos separados e com a maior proteção possível. Isso também evita que os colares possam embaralhar e você perca um tempão para organizá-los. Caso não seja possível adquirir um porta joia, isole cada peça em embalagens de plástico ou de veludo.

Limpeza

Nunca use acetona, creme dental, cremes variados ou álcool para limpar suas semijoias, isso danifica e suja as pedras, zircônias e metais. O ideal é evitar todo contato com produtos químicos.
Não passar perfume e outros produtos, como cremes, óleos e produtos a base de álcool, diretamente no corpo quando estiver usando a semijoia. Evite passar protetor solar sobre as semijoias, entrar no mar ou na piscina, porque tais produtos associados ao calor alteram a cor das pedras e atacam a liga do metal.
Não lave as mãos ou tome banho usando a semijoia, pois o sabonete deixa uma fina película sobre a superfície das peças, dando-lhes uma aparência opaca.
Sempre tire as semijoias, principalmente os brincos, antes de aplicar tintura para cabelo. Passe o perfume e use spray de cabelo antes de colocá-la, esperando alguns minutos para que evapore o excesso.
Para limpar use uma flanela especial para limpeza de joias e faça movimentos bem suáveis para não danificar o banho. Para peças com pérolas, o procedimento poderá ser o mesmo.
Não deixe de visitar nossa página para sanar qualquer dúvida.

Semijoias Baratas Vs Semijoias Finas

É super comum vermos algumas bijuterias que se passam por semijoias ou até mesmo semijoias com preços muito acessíveis que até desconfiamos e nos perguntamos: “Será que aquela loja que estou acostumada a comprar meus acessórios está ganhando em cima de mim ou realmente existe alguma diferença que eu não estou notando?” Pois, bem! Explicaremos para vocês o porque encontramos às vezes produtos que achamos ser semelhantes com preços muito mais baixos…

Semijoias baratas Vs Semijoias finas

As semijoias mais acessíveis ou algumas preferem chamar até mesmo de semijoias “safadas”, por terem uma baixa durabilidade ou não ter uma aparência de joia costumam nos fazer brilhar os olhos, afinal, quem nunca teve aquela festa de última hora e precisou correr atrás de vestido, sapato, bolsa e no final acabou ficando sem dinheiro para investir no que arremata o look final, sim, os acessórios!

Acredito que toda mulher já deve ter passado por essa situação antes… Então vai naquela lojinha de bijuterias chinesas ou dos famosos xing ling que muitas vezes até te enganam e dizem que você está comprando uma semijoia legítima quando, na verdade, não passa de uma biju arrumadinha. Ah! Algo muito importante é comentar que MUITAS pessoas têm preconceitos com bijuterias e semijoias chinesas…

Gente, demos esse exemplo, porque sabemos que tem muita bijuteria e acessório por aí que são de baixa qualidade e não seguem as regras do cádmio, do níquel, entre outras que explicaremos mais para frente.

Mas na verdade elas não precisam ser necessariamente chinesas, acredite, tem muita porcaria que é feita no Brasil, nos Estados Unidos, na Turquia, na Tailândia e em vários outros lugares do mundo..

Portanto, abra sua cabeça, pois existe muita coisa boa na China, onde você pensa que é fabricado o Iphone? Lá existe peças de altíssima qualidade, mas infelizmente devido a alguns fornecedores, todos acabam pagando o famoso “pato”. Inclusive a China é conhecida por ser um dos países mais especializados nas cravações e micro cravações… É difícil vermos alguns fornecedores de fora cravarem tão bem zircônias como os chineses! Mas esse será de repente um assunto para um próximo post!

Voltando ao tópico inicial… Listaremos aqui algumas informações que acreditamos serem bastante relevantes na diferenciação entre essas duas categorias de semijoias.

Banho

Preste atenção, pois às vezes você pode estar sendo enganada acreditando que está comprando uma coisa, mas, na verdade, está comprando outra. Antigamente a maioria das bijuterias não era banhada, hoje em dia é cada vez mais comum as mesmas serem banhadas, portanto, o banho já não é mais um parâmetro de diferenciação!

A diferença pode estar na camada de milésimos, pois quanto maior a quantidade de milésimos de banho que a peça tiver, teoricamente, maior durabilidade ela terá… Mas… Por que escrevemos teoricamente?

Você que Busca Semijoias de Qualidade no consignado

Falamos isso, por que muitas pessoas acham que por estarem comprando semijóias (seja ela de luxo, fina, de qualidade ou qualquer outra coisa que você quiser chamar) ela poderá raspar a peça em superfícies, tomar banho com a peça, passar perfume, desodorante, tintura e tudo mais que der na telha que a peça ficará intacta!

Não, até porque as semijoias não são fabricadas em metal nobre, mas sim em metal comum. Se quiser mais informações para conservar sua semijoia por mais tempo, veja nosso informativo.

Então, o ideal é comprar sempre semijoias que tenham mais milésimos de banho. Mas, como saber? Infelizmente isso só é possível através de um teste realizado em laboratório. Já vimos inúmeros fornecedores afirmarem vender semijoias com 10 milésimos de camada quando, na verdade, não passava de no máximo 2 milésimos.

Então o ideal é arriscar e verificar o quanto tempo o banho da sua joia durou. Se você não utilizou nenhum produto químico ou nada que tenha danificado sua peça, as empresas de atacado o ideal é o banho durar de 6 meses a 12 meses, R&M LUXURY o banho pode durar  2 anos, depende do uso também. As bijuterias e semijoias baratas tendem a descascar em prazo de tempo menor.

Material do metal

Dificilmente uma semijoia de alta qualidade terá presença de metais pesados ou metais que possam prejudicar a sua saúde. Na maioria dos casos, quando a peça for muito barata, desconfie…

As semijoias finas são aquelas que não possuem níquel algum em sua composição. Isso o seu fornecedor deverá conseguir responder, pois, inclusive é proibido produzir ou importar peças que tenham níquel em sua composição, mas sabemos que infelizmente alguns fornecedores ainda continuam arriscando a saúde de seus clientes e colocando níquel nas peças.

Outra mudança recente foi a porcentagem de cádmio e chumbo estabelecido pelo INMETRO. O documento divulgado proíbe a comercialização de bijuterias e semijoias com “concentrações de cádmio e chumbo iguais ou superiores respectivamente, em peso, a 0,01% e 0,03%, do metal presente no produto individualmente considerado”.

Em geral, essas substâncias nocivas ainda são utilizadas por serem itens que barateiam o custo de produção, portanto, é aquela famosa frase: “O barato sai caro”. Por isso sempre desconfie se a sua semijoia for muito barata em relação às demais do mercado.
Não deixe de ler sobre a Diferença das Semijoias com as Bijuterias.

Pedras

Outro fator incrivelmente relevante são as pedras x zircônias. Muitos vendedores utilizam-se do artifício de enganar os seus consumidores e clientes! As semijoias finas SEMPRE devem ser feitas de zircônias!

As peças mais baratas muitas vezes são cristais ou strass e isso modifica completamente a aparência da peça, pois dá um “ar” de bijuteria ou de um acessório mais barato para a peça.

Quer ter uma semijoia com cara de joia? Aposte nas finas e de luxo! Todas são elaboradas com as famosas CZs que são as zircônias cúbicas, pedras reproduzidas artificialmente e que se assemelham em diamantes, impecáveis na aparência, onde podem ser adicionadas cores para simular outras pedras preciosas, recebendo daí o nome de pedra simulada.

Além disso, as semijoias de luxo costumam ter zircônias de qualidade AAA, AAAA e AAAAA, semelhante a uma classificação de hotel 5 estrelas mesmo.

Sendo que a zircônia A e AA são as zircônias de qualidade bem inferior e devem ser evitadas, pois, não tem tanto brilho e nem muita qualidade. Sua durabilidade também não é a mesma de uma zircônia que tem uma classificação de 3A’s a 5A’s. A zircônia 5A’s é a classificação máxima que uma zircônia pode ter e seu grau de qualidade, durabilidade e de brilho são muito maiores. As zircônias de maior qualidade são mais caras por isso acabam encarecendo também a peça.

Para se ter uma noção, enquanto um diamante tem uma durabilidade 10 na Escala de Moh, a zircônia AAAAA tem uma durabilidade de 8,5. Já as de qualidade inferior são abaixo de 5, 6 na escala.

Brilho

O brilho de semijoias de alto nível são bastante diferentes das baratas, isso por que, além do fato da classificação da zircônia que comentamos acima ser um fator de muita relevância, o tamanho também acaba influenciando, pois, uma micro zircônia, por exemplo, tem maior brilho devido ao impacto da zircônia na luz tornar-se ainda maior.

As micro zircônias são mais difíceis de serem cravadas na peça, por isso o preço das peças em micro zircônias acabam se tornando um pouco mais alto. Veja nossos conjuntos de brincos e colares com micro zircônias.

Reparem no brilho e aparência de joia de nossas peças elaboradas em micro zircônias negras em nosso vídeo demonstrativo abaixo.

Semijoias com qualidade Impecável

Qualidade e acabamento

Por fim, a qualidade e o acabamento de seus acessórios são diferentes também nos dois casos. As semijoias baratas não possuem um acabamento tão bom internamente, algumas peças apresentam relevos ou restos de metais deixando um visual muito feio quando olhado de outro ângulo. Já as semijoias finas possuem um ótimo acabamento interno.

A durabilidade e qualidade de seus acessórios também são diferentes nesses dois casos. As peças mais baratas acabam tendo uma durabilidade muito menor do que as semijoias finas que se bem conservadas e sempre armazenadas em porta joia podem durar por muito tempo!

Por isso, por mais que o preço seja um pouco elevado entre semijoias comuns e semijoias finas, tente sempre investir em acessórios de qualidade e que possuem um melhor acabamento, melhor banho, melhor cravação e tenham aspecto de joias de verdade. E esperamos tê-las ajudado a identificar e diferenciar semijoias de qualidade das demais! 😉